segunda-feira, 3 de junho de 2013

Além, porém aqui.

Recebi seu recado, sua música, ou melhor... a nossa música. Recebi seu toque, seu amor, seus ventos e suas lembranças. Recebi seu carinho, seu conforto, seu sorriso. Recebi mentalmente, e ali mesmo, na minha cabeça, juntei todas as peças, todos os seus jeitos e trejeitos, e consegui o que eu queria... Te sentir, te ouvir, te ver. Assim, de olhos fechados. Pude pegar cada palavra e transformá-las em som. Mas não em um som qualquer. Foi o som da sua voz. Com o devido tom, por vezes graves, vezes agudo. Com o devido sotaque, vezes lindo, vezes fofo. Seu sorriso sem graça, seu olhar profundo. Você esteve aqui por alguns instantes, sendo novamente, o meu mundo.

Me perdoe por desaparecer, por parar de escrever e por fingir te esquecer. Você está na minha escrita, em cada vírgula, em cada palavra, em cada linha e principalmente nas entrelinhas. Por mais que esse texto não se componha de entrelinhas, interrogações, nem coisas ocultas. Faz tempo que não escrevo algo tão claro. Não que fosse preciso, já que você me compreende mesmo quando nem eu mesma sou capaz de tal ato. Tem palavras que quando escrevo, são mais suas do que minhas.

Um sonho bom, um sorriso mágico, um abraço gostoso, um carinho único, um beijo marcante e uma saudade sem tamanho.

Sinto sua falta. Penso em você e me culpo por aquele momento em que perdi a pessoa mais incrivelmente incrível que conheci na vida.

Perdi a maior e melhor parte de mim, por isso essa condição de ser duas em uma. Mas que fique claro, que quem você procura, continua sim por aqui. Eu continuo aqui. Continuo sendo sua, continuo sendo sua menina, sua pequena, e você continua sendo o meu papo de bêbada - sério, rs -, a minha história de amor, meu conto de fadas, e o meu amor de vidas passadas.

O problema é que nessa de me perder, perdi também minhas palavras. Perdi a capacidade de falar sobre você da maneira que eu realmente sinto e penso. Mas não sei em quê eu estava pensando quando achei que conseguiria escrever algo digno de você. Nunca foi fácil, e nunca vai ser.

Você é absurdamente importante e marcante na minha vida.
Por favor, não me esqueça.

"It’s you, it’s you, it’s all for you..."



Eu amo você.
Eternamente.